Blog na hotelaria: o que todo hoteleiro precisa saber

Mais do que um concierge on-line, possuir um blog é ter um catalisador de receita.

Belchior Varriano Perfectiva

By Belchior Varriano

01/05/2018

Muita coisa mudou desde que Alan Turing fez a primeira pergunta em 1950: “Maquinas podem pensar?”. Afinal, atualmente, tudo que permeia a tecnologia e o digital possuem escalas exponenciais e impactos profundos em todos os mercados.

Em uma pesquisa realizada pela Accenture – conceituada empresa de consultoria global -, foi revelado que as empresas que aplicam a real transformação digital são, em média, 26% mais lucrativas do que as demais.

E nessa jornada por acompanhar, quase que organicamente, essa tendência e comportamento digital, muitos hoteleiros têm realizado investimentos em ordens expressivas, principalmente relacionados às produções de novos sites próprios, fotos e vídeos.

Entretanto, outras esferas importantes da era digital têm sido esquecidas e/ou deixadas em segundo plano, como é o caso do blog. E isso, muitas vezes, diga-se de passagem, está relacionado aos amargos resultados que muitos sites próprios (inclusive os mais novos e atualizados) acumulam no final do mês.

É óbvio e certo que ter um bom site, fotos e vídeos são essencialmente positivos e fundamentais para um hotel ter sucesso, não restam dúvidas, principalmente nessa era onde os mobile devices têm dominado os acessos via web. Porém, esses pilares estão longes de serem os únicos.

Para os mais atualizados, que ainda são minoria, a percepção em relação ao poder de se ter um blog já não é mais novidade há alguns anos – isso mesmo, anos.

Portanto, fique ligado neste post, pois nós aqui, da Perfectiva, preparamos um conteúdo especial para você, hoteleiro, que deseja crescimento também através dessa estratégia, a de geração de conteúdos através de blog.

Conectando o seu site, robôs e hóspedes

Em 1997, de forma épica, um computador – o Deep Blue, da IBM – venceu o melhor jogador de xadrez de todos os tempos, o Garry Kasparov.

Tal acontecimento fora a demonstração inquestionável de que a tecnologia – nesse caso através de inteligência artificial -, houvera alcançado um nível de poder superior ao do homem.

Desde então muita coisa evoluiu, e além da inteligência artificial muitos outros termos também ganharam destaque no mundo atual, como por exemplo a internet das coisas, computação em nuvem, aprendizado de máquina, realidade aumentada, big data, etc.

Contudo, existem no meio de todas essas disrupções o seu site, os possíveis hóspedes e os SERPs (search engine results pages) – sendo esse último o Google o mais conhecido deles.

Pesquisas recentes do mercado apontam que o consumo de conteúdo é vertiginoso e fragmentado, como é o caso do estudo anual feito pela empresa norte-americana Domos, denominado como “Every Minute of the Day.

Ou seja, moral da história: publicar conteúdo (otimizado) através de um blog com regularidade, fará com que o seu hotel tenha muito mais páginas indexadas através dos robôs do Google – que por sua vez já utilizam machine learning – do que um site comum e estático.

E qual a consequência desse trabalho? Bom, isso é simples de entender: o seu site será melhor ranqueado nos resultados de buscas, terá mais acessos, que por sua vez resultarão em mais conversões e, consequentemente, mais receitas geradas no final do mês.

experiência do cliente

Construindo o Brand Equity

Brand Equity é um assunto que todo hoteleiro deveria estar discutindo nesse momento, o de plena consciência e poder do consumidor moderno.

Depois que o pai do marketing, Philip Kotler, atribuiu o conceito do “Marketing 4.0” em nossas vidas, o brand equity nunca mais foi o mesmo.

Basicamente, o conceito de brand equity se fundamenta em pilares intangíveis e abstratos que determinam o valor da sua marca no mercado, bem como a maneira que o seu cliente reage à mesma.

Analisando em verticais mais diretas, o brand equity é responsável por dizer se o seu hotel é bom ou ruim aos olhos de um potencial hóspede. Ou seja, trata-se de algo subjetivo, porém vital para a tomada de decisão do cliente.

Pensando nisso, um blog funciona como um combustível nesse processo tão importante, o de aumentar a conscientização do consumidor em relação aos produtos e serviços do seu hotel.

Muita coisa pode ser percebida, processada e avaliada pelo seu potencial hóspede durante uma “simples” visita ao seu blog. Principalmente o relacionamento, confiança e cuidado que a sua marca transmite através de cada detalhe e conteúdo. Ou seja, seu blog pode dizer muito sobre você!

Sendo assim, faça do seu blog uma arma secreta para atrair clientes e construir uma boa reputação. Forneça valor e atenção em sua comunicação. Seja útil, honesto e relevante para o seu cliente. Faça dele um evangelizador da sua marca e aumente suas vendas.

Marketing de conteúdo e a alta performance

Antes de mais nada, pare, reflita e faça o seguinte questionamento: qual o objetivo do post XYZ existir? Pronto. Depois que você responder essa pergunta, reúna sua equipe e todas suas armas possíveis para chegar no seu objetivo.

Não basta apenas produzir um conteúdo e postá-lo. É necessário coexistir muita estratégia inteligente e uma técnica apurada em todo esse processo, para que então o máximo retorno seja gerado.

É muito comum aqui na Perfectiva dizermos que o texto precisa ser “sexy” e atraente aos olhos do leitor, ou seja, é preciso que o mesmo possa seduzi-lo através da arquitetura das palavras certas.

Além disso, é fundamental que o conteúdo publicado ofereça um real valor de transformação na vida de quem o consome, pois somente assim o leitor (potencial cliente) terá a iniciativa de realizar uma ação, que pode ser, por exemplo, efetuar uma reserva.

Entretanto, desenvolver a construção de um conteúdo profissional e estratégico, na maioria das vezes, pode não ser uma tarefa muito fácil.

Esse trabalho requer algumas habilidades fundamentais, tais como: aplicar um bom inbound marketing, ser um redator e copywriter afiado, traçar um outline objetivo, dominar a arte do storytelling e SEO, possuir relevante conhecimento sobre o assunto que está sendo escrito, entre outros.

Por isso, não é à toa que muitas empresas têm a iniciativa de construir um blog, mas meses depois passam a publicar cada vezes menos e menos, até parar, pois não conseguem gerar os resultados esperados.

Segundo a Content Marketing Institute, apenas 34% dos profissionais de marketing dizem que sua estratégia de marketing de conteúdo realmente funciona.

Portanto, caro hoteleiro, estude e desenvolva-se, para que você possa construir verdadeiras obras-primas, gerar mais resultados, encantar seus clientes e se destacar no mercado.

Caso contrário, o melhor caminho é terceirizar esse trabalho com empresas especializadas do mercado, como nós aqui da Perfectiva, que fornecemos com maestria o trabalho de gestão de conteúdos para os nossos clientes.

Blog também é experiência

Se os blogs ajudam a criar relacionamentos, logo eles também contribuem para o início da experiência do hóspede. Ou seja, esse contato on-linetambém é parte de todo o processo de experiência do cliente, ou customer experience, em inglês.

Grandes marcas do mercado já possuem esse cuidado, que é o de apostar na experiência do cliente, não apenas na ação de compra do mesmo, como é o caso da Red Bull, Apple e Disney.

E quando falamos de hotelaria, já deveria ser clichê esse ponto de contato, o digital, como ferramenta que promove o início da experiência do futuro hóspede. Porém, infelizmente, ainda é um caminho pouco explorado e cuidado.

É sabido que, com o passar dos dias as pessoas estão se tornando cada vez mais abastecidas de informações, conectadas e dependentes da internet. Por isso, é fato e fácil perceber que nenhum hotel mais deve negligenciar essa vertical de relacionamento e divulgação para com seu potencial e atual hóspede.

Caso o seu cliente não vivencie uma experiência de relacionamento positiva nos meios digitais que o seu hotel está presente, certamente você começará com o pé esquerdo essa história de parceria. Fique atento!

Portanto, foque em aprimorar sua estratégia de experiência digital através de um blog também, e torne a sua marca um “substantivo” para seu cliente, para que ele diga: “Eu preciso de um excelente hotel. Eu preciso do hotel…”

E nunca se esqueça: o que todo cliente quer é ser tratado como pessoa, como parte ativa do negócio, e não como número em uma planilha de excel.

Uma estratégia de baixo custo

Caso o seu hotel acredite não possuir recursos financeiros suficientes para começar um blog, fique tranquilo, pois é necessário bem pouco para iniciar um trabalho desses.

Existem plataformas gratuitas e de fácil gestão, como é o caso do WordPress, que fornece estrutura profissional para atender essa demanda.

Entretanto, se o seu site possui um suporte profissional dos desenvolvedores, sugerimos que inicie o seu blog integrado ao seu site – mas de uma forma adequada, para que não hajam distrações do foco principal da plataforma, que é a conversão de reservas!

E sobre os conteúdos, se você mesmo produz eles, então não terá gastos com outro profissional. E a divulgação também pode ser feita de forma gratuita nas redes sociais e e-mails – caso já trabalhe com alguma ferramenta de e-mail marketing.

Conclusão

A hospitalidade social não é mais o futuro, é o presente. Por isso, comece a aproveitar as novas (ou não tão novas assim) estratégias de mercado.

Pense conosco: no momento em que você lê esse post, por exemplo, existem potenciais consumidores que estão à procura de informações sobre hotéis, destinos, passeios, eventos, locais diversos e/ou até mesmo informações de outro gênero, mas que possuam uma conexão com a realidade e serviços do seu hotel. Então, por que não gerar impacto e convertê-los?

Um blog será sempre o centro das suas mídias sociais. Um dos maiores valores que um hotel pode compartilhar com seus consumidores são histórias e conteúdos enriquecedores.

Sendo assim, comece hoje mesmo a se comunicar com seus clientes. Seja flexível e relevante no seu blog. E trate esse canal como parte do seu negócio e da estratégia de receita.

Vender mais, melhor e mais rápido é uma prioridade para o seu hotel? Entre em contato com o nosso time e conheça os nossos serviços da Era 4.0.

Compartilhe

Belchior Varriano Perfectiva
Belchior Varriano
AUTOR

Hoteleiro há quase uma década, Belchior é administrador, empreendedor serial e especialista em gerar crescimento acelerado e inovação para hotéis, pousadas e resorts. Ele também é entusiasta de tecnologia, startups e literatura.

Comentários

Informações

Contato

contato@perfectiva.com.br
(16) 3101 5682
Ribeirão Preto | SP

Newsletter

Walk the talk.